FAZENDO UM INVESTIMENTO SEGURO Mateus 6:19-21

FAZENDO UM INVESTIMENTO SEGURO

(Mt. 6:19-21)

 

INTRODUÇÃO: Nada incomoda mais o meu coração nestes dias do que o fato de saber que tenho ainda gastado tanta energia em futilidades passageiras e que de nada irão me ajudar na busca dos ideais que norteiam a eternidade. Há um fascínio pelas coisas desta terra o qual tenta exercer um domínio no sentido de vivermos obcecados em conseguir para nós mesmo algo que preencha a nossa necessidade existencial tanto no aspecto material como de afirmação em relação à conquista de posicionamento que nos façam se sentir melhor.

Somos imediatistas e muitas vezes tal ambiente no qual vivemos nos leva a esquecermos que vivemos por fé e não por aparência (II Co. 4:18). Jesus nos chama a atenção neste texto a exercitarmos disciplina na busca pelo investir a vida no lugar certo e não naquilo que é destrutivo e perecível por isso aprendemos aqui com o Mestre que:

 

O CÉU É O MELHOR LUGAR PARA SE FAZER UM INVESTIMENTO SEGURO

MOTIVOS PELOS QUAIS DEVEMOS FAZER INVESTIMENTOS NOS CÉUS

 

I-                  POR CAUSA DA SERIEDADE DO CONSELHO (v 19-20)

+        O objetivo deste conselho é porque tendemos sempre a gastar energia naquilo que é perecível (Is. 55:2-3), sendo que Jesus sempre nos apontará para um caminho infinitamente muito melhor (Lc. 19:9-10), e sendo assim não podemos ignorar o conselho do Mestre no investir nossas vidas na eternidade (I Tm. 6:18-19)

 

II-             DEVIDO A CERTEZA DO INV ESTIMENTO (V 20)

+        Temos a garantia do Mestre de que se investirmos tesouros nos céus não iremos nunca nos arrepender (Mt. 19:21), e que este tamanho investimento não será alvo de nenhum tipo de situação onde venhamos a ser lesados (Jr. 29:11), pois Jesus mesmo nos promete que se investirmos na eternidade teremos um tesouro imperecível (I Co. 2:9).

 

III-         EM RAZÃO À TENDÊNCIA DO CORAÇÃO (V 21)

+        Há sempre um lugar onde focamos nossos sonhos, objetivos e projetos como tendência natural na vida (Mt. 12:35-36), sendo que tudo passa pela vontade que governa o nosso enganoso coração (Jr. 17:9) e que pode nos deixar no geral em más situações (Ap. 3:17-18).

 

CONCLUSÃO: 1- Onde você tem investido sua vida?  No aqui e agora ou no céu?

2- Que tipo de resposta você tende a dar diante de um conselho sério como este de Jesus?

3- Quais são suas convicções a respeito da realidade concernente ao céu?

4- Para onde seu coração tem lhe conduzido no presente momento, para as coisas do alto

ou daqui da terra?

 

Pr. Carlos Norberto da Silva

Leave a Reply

  

  

  

Protected by WP Anti Spam