EFEITOS DA GRAÇA (Rm. 12:3-8)

INTRODUÇÃO: O assunto graça creio eu, é aquele cuja temática é a mais relevante e inesgotável em termos de profundidade avaliativa no âmbito da história bíblica, e falar sobre este tema sem dúvida alguma é entrar em um terreno fértil e produtivo em termos de olhar o modelo do amor de Deus de uma forma totalmente oposta aquilo que está em voga no contexto existencial no mundo afora. Se fôssemos limitados a pregar exclusivamente sobre a graça de Deus teríamos assunto para a vida toda, pois cada parte desta doutrina traz fascínio e encanto e é fonte inesgotável como os infinitos degraus da escada da existência humana, que começa com a realidade de pecador perdido até chegar a segurança da glória, produzindo assim também sempre um algo mais decorrente do favor divino. Especificamente no texto em pauta podemos aprender um princípio norteador da graça na vida dos cristãos

 A GRAÇA DOADA PRODUZ EQUILÍBRIO NO CONTEXTO DOS MEMBROS DO CORPO DE CRISTO

 EFEITOS DA GRAÇA DOADA QUE PRODUZ EQUILÍBRIO NO CORPO

 I- MOSTRAR VISÃO CONVENIENTE DE SI MESMO (V3)
  • Carecemos de uma avaliação bastante adequada e criteriosa acerca de nós mesmos
  • Que começa com uma auto avaliação adequada de imagem e identidade – (I Pe. 2:9)
  • Que conduz a um propósito de conceito moderado, sem aquém e além – (II Tm 1:7)
  • Que produz a fé como parâmetro para medição na minha forma de se pensar – (Fp 4:8)
  • Que resulta num conceito equilibrado no pensar e sentir como Cristo – (Fp 2:5)
II- MOSTRAR A HARMONIA DOS MEMBROS NO CORPO (V4-5)
  • Vivemos uma realidade triste de disfunção da membresia no contexto do corpo de Cristo
  • Que é composto de um corpo com muitos membros e diferentes funções – (Ef 4:3-4)
  • Que é o próprio corpo de Cristo onde cada um é membro um do outro – (I Co 12:12, 27)
  • Que se relaciona também gerando vida e unidade como meio difusor da fé – (Jo. 17: 21)
III- MOSTRAR AS DIFERENÇAS FUNCIONAIS DOS DONS NO REINO (V6-8)
  • Há apatia e ignorância de muitos cristãos no uso dos dons no contexto da comunidade
  • Dons estes que são estabelecidos em diversidades como doação do Espírito Santo – (Ef 4:12)
  • Dons estes que são desenvolvidos e administrados de formas específicas e gerais – (I Pe 4:10)
  • Dons estes que objetivam a edificação do corpo de Cristo visando o bem coletivo – (I Co 14:12)

 CONCLUSÃO:

  1. Que sentimento a graça de Deus produz em você?
  2. Você tem um conceito adequado acerca de si mesmo como decorrência da graça?
  3. Você exerce sua responsabilidade (dom) em harmonia com o corpo no seu pleno funcionamento?
  4. Qual é o seu dom? Ele tem sido usado para a edificação do corpo?

 

Leave a Reply

  

  

  

Protected by WP Anti Spam