A SEMEADURA QUE PREVALECE (Mt 13:18-23)

INTRODUÇÃO: O texto que está diante de nós não é nada mais do que a conclusão explicativa da parábola do semeador já apresentada pelo Senhor no começo do capítulo e tem como objetivo mostrar-nos o tipo de ouvinte da mensagem do reino que somos e os tipos de solos onde ela é plantada, bem como seus resultados diretos. Aprendemos aqui que o tipo de ouvinte define o solo onde a palavra é semeada bem como sua sobrevivência e produtividade, sendo que em muitas vezes a semente da palavra do reino ao ser lançada sofrerá resistência nos solos despreparados do coração de muita gente as quais convivemos diariamente. E a pergunta oportuna para fazermos hoje a você que nos ouve é a seguinte: Que tipo de ouvinte você é? Qual tem sido o tipo de solo do seu coração em relação a semeadura da palavra do reino?

O TIPO DE OUVINTE E SOLO ONDE A PALAVRA DO REINO É PLANTADA DEFINE A SUA SOBREVIVÊNCIA E PRODUTIVIDADE

LUGARES E RESULTADOS EM OUVINTES ONDE A PALAVRA DO REINO É PLANTADA

 I- NA BEIRA DO CAMINHO É SAQUEADA PELO INIMIGO (V19)
  • Não entender a palavra do reino hoje é um fato comum de muitos nesta geração
  • E é justamente nestes corações que o inimigo busca roubar o pouco da palavra que recebem (Mc 4:14-15)
  • A principal atividade do inimigo é furtar das vidas tudo aquilo que possa ser produtivo na semeadura (Jo 10:10)
  • Tudo aquilo que está à beira do caminho tem uma representatividade de inutilidade (Mt 21:19, Mc 10:46)
  • Seu coração tem sido um tipo de solo endurecido o qual faz com que a palavra de Deus não produza nada de bom?
 II- EM TERRENO PEDREGOSO SERÁ DERRUBADA PELAS PROVAÇÕES (V20-21)
  • Receber a palavra prontamente com alegria em solo pedregoso não é garantia de produtividade
  • Sem raiz a palavra fica sem base estrutural sobre a pedra, pois lhe falta alimento e dura pouco (Rm 11:17-18)
  • Sem base sólida da palavra tornamos nos reféns fáceis das tribulações e perseguições que nos faz tropeçar (Ef 6:14)
  • A palavra é o elemento vital para mostrar por qual estrutura somos comandados
  • Seu coração tem sido um tipo de solo rochoso fazendo com que você se sinta intimidado diante dos problemas da vida que tentam derruba-lo constantemente?
 III- NO MEIO DOS ESPINHOS SERÁ SUFOCADO PELO MUNDO (V22)
  • A atividade religiosa de o simples ouvir a palavra não garante frutificação da semeadura (Jo 15:2)
  • A vida no meio de espinhos (mundo) é sinônima de imobilidade e retração (Ef 2:1-3)
  • A ansiedade pelas preocupações ao redor sem a ingerência da palavra produz a improdutividade (Lc 12:25)
  • A sutilidade no conquistar bens materiais sem a direção da palavra é um motivo que nos leva a infertilidade (Lc 16:13)
  • Seu coração demonstra ser um tipo de solo espinhoso devido ao fato de você se ver sempre atraído pelas coisas do mundo?
 IV- EM TERRENO FÉRTIL IRÁ PRODUZIR ABUNDANTEMENTE (23)
  • A semeadura em terreno fértil faz da pessoa um ouvinte compreensivo da palavra (II Tm 2:2)
  • A semeadura em terreno fértil faz também do ouvinte um ser frutífero (Jo 15:5)
  • A garantia desta semeadura tem acima de tudo uma abrangência multiplicadora na sua produção (Sl 92:12-14)
  • Precisamos de pessoas cujo coração seja um solo aprovado e sempre pronto para receber a semeadura (Lc. 6:44)
  • Seu coração tem sido este tipo de solo bom o qual tem recebido e reproduzido semeadura farta?

 CONCLUSÃO: Que tipo de solo é o do seu coração no presente momento?

Um solo duro e impenetrável cuja semente tem sido roubada pelo inimigo?

Um solo empedrado o qual impede a penetração da semente que não gera raízes solidificadas?

Um solo espinhoso que não se expande por ser sufocado pelas tendências externas do mundo?

Ou seu coração é aquele cujo tipo de solo é crédulo e fértil para penetração da palavra bem como um produtor de longa escala?

Pr. Carlos Norberto

Leave a Reply

  

  

  

Protected by WP Anti Spam