FAZENDO ESCOLHAS CERTAS Lc. 16:19-31

FAZENDO ESCOLHAS CERTAS

(Lc 16:19-31)

 

INTRODUÇÃO: A vida após a morte é um assunto que suscita debates fervorosos. “O que acontece depois que morremos? Como nossa vida na terra afeta a maneira como estaremos na eternidade?” O que vamos pensar hoje está baseado num relato que Jesus contou sobre um homem rico e Lázaro, um mendigo. Essa história ilustra a vida após a morte. O que precisa ficar claro é que há um céu eterno (Paraiso) e, separadamente, um inferno eterno – um lugar de tormento. A Bíblia enfatiza muito a questão da vida eterna. Contudo, também ensina que aquilo em que acreditamos e colocamos nossa confiança durante nossa vida terrena determina nosso destino eterno. Se colocarmos nossa confiança no dinheiro e bens, por exemplo, seremos deixados sem nada, e estaremos a eternidade toda no inferno separados de Deus. Todavia, se colocarmos a nossa fé em Jesus, passaremos a eternidade na presença dEle. Esse é um passo de fé que nos leva à salvação; ninguém pode obter a eternidade no céu apenas por suas boas obras (Ef. 2:8-9)

A outra questão-chave se refere às riquezas e à pobreza. As pessoas pobres têm coexistido com as pessoas ricas desde os primeiros dias da humanidade. Não é errado ser rico ou pobre. Contudo, na Bíblia – a Palavra de Deus revelada a nós -, Deus diz que a riqueza terrena é temporária, e é concedida a nós para satisfazer nossas necessidades e as necessidades de outros. Ele ordena a seus seguidores que usem os recursos que possuem para ajudar as pessoas em necessidade com amor, compaixão e generosidade, e por isso quero pensar hoje como frase de efeito a mesma que nos é sugerida na campanha:

 

AS ESCOLHAS DO MEU CORAÇÃO AFETAM A ETERNIDADE

 

LIÇÕES QUE PRECISAMOS RELEMBRAR NESTA TERRA

PARA FAZERMOS A ESCOLHA CERTA

 

I-                   CONSCIENTIZAR-SE DA REALIDADE DO INFERNO (V 23-24)mas no hades em meio às chamas.

Þ       Para seguirmos numa trajetória segura nunca podemos brincar com fogo (Ap 20:14-15; Sl 9:17)

Þ       É preciso também fixar nosso objetivo naquilo que está no alto (Cl 3:1-3)

Þ       Para fazermos a escolha certa é preciso consciência de que o inferno existe (Mt 7:13)

 

II-                 SABER QUE QUEM SOMOS DETERMINA O DESTINO (V 25-26) recorda-te do que recebestes

Þ       Tanto simplicidade como generosidade são caminhos para o êxito (Mt 6:20-21)

Þ       Nossas opções tem papel preponderante na nossa devoção (Tg 1:27)

Þ       Para fazermos a escolha certa é necessário sabermos que precisamos fugir da avareza (Lc 12:15)

 

III-              ATENTAR PARA A MENSAGEM DE ALERTA ( V 27-29) eles tem Moises e os profetas

Þ     A audiência para com a mensagem da redenção conduz ao caminho seguro (Jr 22:29)

Þ     A mensagem do evangelho não é uma realidade imposta, mas de livre escolha (Lc 19:8-9)

Þ     Não resta dúvida que para se fazer uma escolha certa não se pode ignorar as boas novas do evangelho (Rm 1:16)

 

IV-              ASSUMIR POSICIONAMENTOS SEGUROS (V 30-31)… se não ouvem

Þ     Arrependimento e conversão são os pontos de partida para se fazer a escolha certa ( At 3:19-20)

Þ     A condição material anestesia a consciência ficando assim na contramão destes posicionamentos (Mt 19:21-23)

Þ     Somente seguindo por um caminho de escolhas certas é que poderemos viver seguramente  (Jo 14:5-6; I Ts. 1:10)

 

CONCLUSÃO: Que tipo de visão  conceitual tem estado em sua mente no que se refere à realidade do inferno? Sua conduta de vida demonstra claramente que você não está indo para o inferno porém para o céu? Que influência a mensagem bíblica exerce em sua vida como instrumento de alerta? Enfim sua posição de compromisso com o evangelho tem sido segura ou não?

Pr. Carlos Norberto da Silva

Leave a Reply

  

  

  

Protected by WP Anti Spam